Terramedia

Tempo Fechado

  • Tempo Fechado
  • Modelo: DEV333021
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$44,20


2031. As intervenções humanas sobre o clima foram longe demais. Personagens idiossincráticos e irreverentes se reúnem no sertão árido do Texas e do Oklahoma para enfrentar a maior de todas as tempestades, páreo duro até mesmo para os mais corajosos caçadores de tornados. As informações que coletarem podem lançar luz sobre o nascimento de um fenômeno que pode se tornar um fato permanente da atmosfera do planeta – uma tempestade fixa como a Grande Mancha Vermelha de Júpiter –, transformando para sempre a vida na Terra.

Quem gostou do filme Twister tem em Tempo Fechado uma versão mais realista, mais violenta e mais futurista de um grupo de caçadores de tornados em busca do “Santo Graal” das tempestades: um megatornado F-6, capaz de arrasar uma cidade em poucos minutos, ou de arruinar a atmosfera para sempre.

É o que o cientista Jerry Mulcahey acredita, e com ele a Trupe Intempestiva, grupo de hackers, rebeldes e desajustados que o segue numa corrida suicida high-tech, até a beira do fim do mundo. A milionária Jane Unger, namorada de Mulcahey, tem tudo sob controle na Trupe Intempestiva, até seu irmão Alex ser integrado ao bando. Um alérgico crônico recém-saído de uma clínica clandestina no México, Alex é o típico homem do “Tempo Fechado”, um contexto global de descontrole climático provocado pelo efeito estufa.

Na busca pelo F-6, os dois irmãos estão preparados para tudo – menos o choque com membros de uma conspiração global, em meio ao caos e à desolação da grande tempestade. Escrito quinze anos antes do Furacão Katrina e antes do relatório da ONU que fechou a questão sobre o aquecimento global e as mudanças climáticas causadas pela atividade humana, Tempo Fechado apresenta um vislumbre terrível do que pode vir a ser a nova condição da humanidade no futuro próximo.

Sobre o autor

A locomotiva intelectual do Movimento Cyberpunk, Bruce Sterling nasceu em Brownsville, Texas, em 1954, mas também passou algum tempo na Índia durante sua infância. Em 1997 esteve no Brasil como Convidado Internacional na v InteriorCon, e passou parte do seu tempo no leste europeu e hoje vive em Turim, Itália.

Escrevendo no seu fanzine Cheap Truths, Sterling galvanizou um grupo de escritores à margem da corrente principal da ficção científica no início dos anos oitenta, e, com o Movimento Cyberpunk, transformou-os no novo centro: John Shirley, Lewis Shiner, e William Gibson. Sterling também foi o organizador da antologia fundamental do movimento, Reflexos do Futuro (Mirrorshades; 1986), tornando o cyberpunk uma referência cultural da década de 1908 e além, dentro e fora do campo da ficção científica.

Seu romance Piratas de Dados (Islands in the Net; 1988) recebeu o John W. Campbell Memorial Award. Sterling recebeu também o Prêmio Hugo de 1997 com a noveleta “O Consertador de Bicicleta” (breve em livro pela Devir) e o Hugo 1999 com “Taklamakan”, outra noveleta. Distraction (1999), um romance, recebeu o Arthur C. Clarke Award 2000. Com William Gibson, escreveu The Difference Engine (1991), ajudando a sedimentar um novo subgênero para a ficção científica — o steampunk, muito em voga na atualidade. Jornalista internacional, escreveu The Hacker Crackdown: Law and Disorder on the Electronic Frontier (1992), e mantém uma coluna na revista Wired. Em 2005, tornou-se o “visionário residente” do Art Center College of Design em Pasadena, Califórnia.

Em 1998, Sterling criou o Movimento do Design Viridiano, para transportar atitudes “verdes” ao campo do design. Demonstrando sua preocupação com o meio ambiente, em Tempo Fechado Sterling também prova que a atitude cyberpunk não está restrita aos grandes aglomerados urbanos.

 

Atributos
paginas 342 páginas
capa brochura
cod_dnet 4668

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.